A dor do mundo.

Vocês já pararam para observar o que está acontecendo no mundo?! 

Confesso que me mantenho um pouco alheia aos acontecimentos, não só por falta de tempo, mas muitas vezes por escolha. Tudo para evitar a tristeza que é gerada ao me informar.
 
Apesar disso, hoje, lendo as notícias sobre o atentando em Paris, li um comentário que me chamou atenção e me fez parar tudo e pensar: Para onde estamos indo?!




São guerras, barragem que rompe, atentados e mais alguns mortos. Morte para lá e para cá. Aparentemente, é só tristeza!
Para piorar há quem comenta: por que estão noticiando isso? Isso é só problema deles! Não é problema do mundo!

Tem certeza? Será mesmo só problema deles? 

E se fosse um familiar seu que estivesse na cidade que ocorreu a fatalidade, será que você não gostaria de saber se ele está bem?

Nosso mundo não pode mais se resumir ao nosso mundinho. Viver em um mundo em que existe somente o "eu" e o "meu" já está ultrapassado. Ultrapassado demais para um mundo em que cada comida gostosa é postada no instagram, cada momento de uma viagem postada no Snapchat e cada sorriso definido em um sentimento no Facebook. Muito ultrapassado para quem vive de brincadeiras eletrônicas e não mais em um mundo real, de "carne e osso". 

Viver em um mundo só nosso já era considerado egoísmo no passado, mas hoje é puro individualismo, no sentido de que queremos compartilhar tudo com todos, mas não queremos nos importar com ninguém. Na realidade, queremos apenas passar uma imagem e não que se importem conosco, afinal não queremos nos importar com eles. Isso é triste!

Está faltando em nós a dor pelo outro! 
A dor que é sentida sem receber nada em troca. A dor que simplesmente flui de um sentimento de amor, compaixão e gratidão por estar a salvo, mas também de um pesar ao ver quem está passando pelo momento difícil. 

Falta o altruísmo, o deixar o nosso umbigo. Falta o abrigo que aquece quem precisa na noite fria. Falta a predisposição de colocar nosso joelho no chão e pedir para que o Espírito Santo aqueça de novo nosso coração para amarmos como só Deus é capaz. 

E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. - Mateus 24:12

Se seu amor não se esfriou, cuidado para que ele não se esfrie. Mas, se ele se esfriou corra para aquecê-lo!

A dor do mundo  e a dor do outro precisa ser a nossa dor! Precisa nos incomodar, pois só assim vamos querer fazer algo para acabar com ela! 

5 comentários:

  1. Que texto lindo Aninha. E o pior é que a cada dia as pessoas se tornam mais egocêntricas, deixando de viver o que a palavra de Deus nos ensina; e é perceptível que o amor de muitos já se esfriaram, pois são raras as pessoas que choram e se compadecem pela dor do próximo. Mais do que nunca precisamos fazer a diferença nessa geração através desse espaço que temos para falar de Deus. Amo suas postagens, super abraço preciosa!
    www.sarahcristinny.com
    Instagram: @sarahcristinny

    ResponderExcluir
  2. Oi Aninha!
    Sim, está faltando sentir a dor com o outro. E os valores estão tão invertidos ultimamente que até dói pra pensar em onde será que vamos parar... Ficamos até sem palavras pra tudo o que está acontecendo... Parte o coração, a fé até mesmo fraqueja às vezes. Mas estar firme no Senhor faz toda a diferença.
    Abraços! | Saphy | Facebook

    ResponderExcluir
  3. É verdade amiga, amo esse versículo de Mateus 24:12 relata bem o que está acontecendo nos dias de hoje, não somente a falta de amor a Deus, mas também ao proximo.
    Beijos
    Filha do Rei | Seu blog de cara nova por um ótimo preço é aqui: Larisse Design

    ResponderExcluir
  4. Pois é amiga, muitos tem tratado com indiferença a dor do próximo, muitos não sabem o valor do amor e só pensa em se mesma e esquecem de quem está do seu lado precisando de ajuda. Concordo quando você diz que está faltando em nós a dor pelo outro... Tudo isso é cumprimento da palavra do Senhor. Cristo está voltando.
    Um abraço linda..

    http://novembrolilas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Quando acabei de ler esse post, respirei fundo de alívio.... Não estou sozinha na "dor do mundo". Aninha, graças a Deus não fomos contaminadas pela frieza e indiferença, mas somos movidas pela fé e compaixão pelo outro... Que Cristo tenha misericórdia dessa gente.
    Escuta... Amei teu cantinho <3 lindo demais, você é uma fofa! Mais uma vez, obrigada pela visita. Ah... Que nunca apague a chama do Espírito Santo em ti e lembre-se que a fé que te trouxe até aqui não é a mesma que te leva até ali... Renove-se Nele dia após dia ;) Uma ótima noite pra ti, bjinhos.

    ResponderExcluir