Brasileiros, Bíblia e Protestos.

 De uns tempos para cá, o Brasil está sendo marcado por protestos, alguns pacíficos e outros nem tanto. Diante dessa situação e de um grande protesto marcado para amanhã, dia 13/03/16, muitos cristãos ficam com um pé atrás em relação as manifestações. Confesso que já fiquei com muito receio, mas antes de ter um posicionamento resolvi buscar na Bíblia a resposta! Confere aqui comigo! 



Número 1: Devemos ter fome e cede de Justiça! Nosso Deus é um Deus amoroso e misericordioso, mas antes de tudo Ele é JUSTO. A Bíblia nos garante saciedade de justiça, tenha cede e busque essa justiça no lugar certo e do modo certo! 

 "Bem-aventurados os que tem fome e sede de justiça, porque eles serão fartos". - Mateus 5:6

Número 2: Como buscamos essa justiça?!  Resume-se a uma palavra: oração. 

"Não ajam como pessoas sem juízo, mas procurem entender o que o Senhor quer que vocês façam" - Efésios 5:17

Já que Deus é justo, só vamos entender a verdadeira justiça se buscarmos nEle. Só vamos saber como encontrar essa justiça se buscarmos na fonte correta, ou seja, em Deus, pela Bíblia e oração. 

"Orem pelos reis e por todos os outros que têm autoridade, para que possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros." - 1 Timóteo 2:2

Deus não nos chamou para criticarmos nossos líderes políticos (e nenhum outro tipo de autoridade e liderança colocada em nossas vidas); em vez disso, Ele nos chamou para orarmos, intercedermos por eles e honrá-los.

Falando especificamente sobre autoridade política, digo que não há nada de errado um cristão se tornar ativo no processo político, muito pelo contrário! Devemos buscar a justiça por meio de leis (coerentes com a Palavra) e sua efetividade, a fim de levar uma perspectiva correta para o cenário político. Entretanto, o poder real da Igreja será muito mais efetivo se antes de agirmos, orarmos. A oração pode mudar o cenário político; e nós somos responsáveis por orar, jejuar e interceder pelos líderes de nossa nação para que "possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros"

Como já disse, só a nossa oração não basta. A oração em algum momento terá que vir acompanhada de nossa ação, a fé sem obras é morta!  Lembre: orar + ação = oração.


"Semeai para vós em justiça, ceifai segundo a misericórdia; lavrais o campo de lavoura; porque é tempo de buscar ao Senhor, até que venha e chova a justiça sobre vós" -Oséias 10:12




Número 3: Lembre de quem instituiu as autoridades! 

"Obedeçam às autoridades, todos vocês. Pois nenhuma autoridade existe sem a permissão de Deus, e as que existem foram colocas nos seus lugares por Ele."- Romanos 13:1

Talvez esse seja o ponto mais complicado de entender! Por isso, antes de tudo, devemos ter a consciência de que vivemos em um Estado Democrático de Direito em que nossos representantes são eleitos por nós, ou seja, vivemos em uma Democracia Representativa! 

"Todo poder emana do povo, que o exercer por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos moldes dessa Constituição" - Art. 1°, parágrafo único da Constituição Federal. 

Por isso a importância de estarmos em oração por nossa nação e cenário político! Precisamos ter olhos abertos para eleger, levar isso como uma grande responsabilidade! 

A vontade de Deus é materializada através de nossa conexão com Ele! Se não estivermos atentos e conectados vamos errar na hora de eleger, de modo que sofremos também as consequências!

Número 4: Corrupção. 

Lá em Romanos, Paulo não diz para concordarmos com a corrupção ou com legisladores injustos. É importante lembrar que para tudo há um propósito já definido abaixo dos céus, assim, muitas vezes, como já lemos no Antigo Testamento Deus deixa que os maus governem por um tempo como castigo pela desobediência do povo ou por outras razões que não nos é dada. Mas isso é para que o povo se lembre dos erros e os abandone, voltando para a vontade de Deus que é boa, perfeita e agradável. Isso, de modo algum, quer dizer que devemos ser passivos! 

Como escrevi antes: devemos buscar a justiça, mas isso envolve nossa oração e ações, desde um caráter correto, sem corrupção (como é comum na sociedade em geral!! O "jeitinho brasileiro" que nada mais é do que muitas vezes se esquivar de responsabilidades e dar um jeitinho de camuflar o errado! Isso é corrupção! Que direito você tem de buscar a justiça contra a corrupção se você age do mesmo modo que seu governante, só que em uma escala menor?!?! Ambos estão errados. Reflita em suas ações!), e cuidado na hora de eleger. Seja ativo. 




Foto de Hugo Martins Oliveira

Número 5: Devo sempre obedecer?! 

Embora a obediência à autoridade terrestre seja uma regra, como diz em Romanos 13:2: "Quem se revolta contra as autoridades está se revoltando contra o que Deus ordenou e os que agem desse modo serão condenados", um princípio bíblico claro é que podemos precisar desobedecer ao governo caso ele nos mande pecar ou parar de anunciar o evangelho, pois a lealdade de Deus sempre tem prioridade sobre a autoridade humana.

Como já disse, vivemos em uma democracia. TODOS tem direito de votar e participar. Mas, também temos princípios bíblicos a seguir. Não devemos nos conformar com esse mundo, mas sim transformá-lo pela renovação da mente. 

Seja inconformado orando pelo seu país, lutando pela justiça, pois pelo jeito temos falhado muito nisso.

Protestar? Cuidado como, quando e onde. A paz do Senhor deve ser a nossa marca. Não proteste tendo como principio a confusão, o povo de Deus tem que ser ordenado.
Vamos lutar por um Brasil limpo!

Manifestação sem vandalismo. Vamos mudar o Brasil e não acabar com ele!

Gostou do post?! Então compartilha! :)

Acompanhe o blog também pelas redes sociais:

6 comentários:

  1. Amiga, você simplesmente arrasou. Um tema bastante interessante para ser abordado, pois é uma coisa que muitos ainda têm dúvida, se é certo nós cristãos participarmos desses protestos. E realmente além de orarmos precisamos agir (levando sempre em consideração a palavra de Deus). Você se expressa muito bemmm, parabéns!
    Abraços!!!

    PAPO DE GAROTA CRISTÃ
    www.sarahcristinny.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que booom que gostou Saah! *--*
      Obrigadaa :)

      Exatamente!

      bjoos

      Excluir
  2. Aninha, que texto! Parabéns, ele está magnífico e com informações brilhantes \o/
    Uma das partes que mais gostei fora: "devemos buscar a justiça, mas isso envolve nossa oração e ações" Realmente!
    Eu costumo dizer que o testemunho de vida não é só em palavras, mas sim em nossas ações. A corrupção ocorre a partir do momento em que você fura uma fila, cola nas provas, etc. Isso é corrupção também, não somente roubo de dinheiro público ou coisas que só envolvem a política! Este pensamento ignorante acaba sendo levado para futuras gerações e assim, pessoas cristãs acabam se iludindo ao pensar que dar uma coladinha na prova é normal, é uma ajuda.
    A oração é essencial em todas as áreas, principalmente em relação às autoridades. Cristãos julgando, criticando e xingando as autoridades achando que está certo, que como a pessoa não tem caráter, a gente xinga mesmo! ERRADO! Devemos ter compaixão, devemos orar pela vida destas pessoas que não conhecem a Deus, ou até conhecem por alto. Devemos orar por todos os envolvidos, até por nós, para não sermos contaminados como muitos cristãos têm sido.
    Ótimo post mesmo!
    Beeijos

    {http://www.thoughtsandadventures.com.br/}

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Ruuh!
      Disse tudo e mais um pouco!

      Bjos

      Excluir
  3. Aninha. .. gostei muito do seu texto. Não podemos relativizar. A Bíblia assim diz, assim temos que obedecer! Estamos em tempos de muita fragilidade política e só o Senhor para ter misericórdia! Devemos agir conforme a vontade dele mediante tudo isso.
    E é isso mesmo.. o cristão busca na Palavra sobre qqr área da vida. .. nosso manual de fé!

    blogquebrandobarreiras.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Arlene, não podemos por nem tirar...a Bíblia é completa!

      Bjos

      Excluir